domingo, setembro 11, 2011

Avante!

A "Festa", é dela que quero escrever mas não encontrei cá fora uma árvore que a pudera transmitir. É a vida.

Adentrados, milhares, pudemos contemplar a cada dia mais erosionada margem periclitando, periclitando.

Foram debates, no centro e na periferia. Foram molhas "inside e outside", música, Mulheres e Homens, sempre vivos Camaradas.

E à noite, não se ouvia ruído.

Viva o Partido Comunista Português!

3 comentários:

vermelho vivo disse...

Viva o Partido Comunista Português!

josé Manangão disse...

VIVA O PARTIDO COMUNISTA PORTUGUÊS!
Abraço!

CRN disse...

Viva!

Abraço