domingo, setembro 20, 2009

S&L - Sales Force

"Quase à mesma hora a que Manuel Alegre se juntava(?) a José Sócrates na campanha do PS em Coimbra, Louçã lia o prefácio do socialista no livro de António Arnaut sobre o Serviço Nacional de Saúde. Frase a frase, o coordenador do BE completava as palavras de Alegre: «Tem razão.»"

Criticando os benefícios fiscais nos planos de poupança, o ex-apresentador da RTP, Francisco Louçã, não afirma porém que um PPR de 30.000€ é um privilégio só ao alcance da alta-burguesia, asseverando a velha máxima, como fez Sá Fernandes (recordas?), que nunca está demais acautelar a velhice, a própria, a sua. O cúmulo do populismo é defender um sistema no qual não são necessários productos deste tipo, um estado social e, por outro lado, ajudar a banca a legitimar os mesmos. Esquerdismo ou socialismo de fachada, para a fotografia, como esta: É caso para afirmar: -Ele lá saberá de suas razões, afinal o cunhado de Correia de Campos (o ministro do PS que acabou com o atendimento sanitário em tantos pontos da nossa geografia) deve estar mais informado que a generalidade dos povo trabalhador. Razões que, por outra parte, não serão a forma que encontrou de salvaguardar o pecúlio de toda uma vida de "trabalho", como afirma nesta outra manipuladora reportagem, e menos quando se é professor universitário de economia, sendo a não concentração do risco uma das primeiras lições desta carreira.
Assim mesmo, deve ter a sua explicação, da mesma forma que a encontrou para justificar a sua negativa em visitar as peixeiras do mesmo mercado do qual extracto esta fotografia, não vá com essa actitude demonstrar que num Portugal por si governado só se considerariam Portugueses aqueles que vestissem Armani - ou Boss, como o seu amigo Sócrates - e utilizassem perfume em lugar de sabão azul e branco.

Da mesma forma que em 1979 "Serto PS" o fez (o mesmo no qual continua o Alegre apoiante do Bloco e que há 33 anos insiste em ludibriar o povo), com a criação do PSR, o tal Partido Socialista Reconstruido - o mesmo que por motivos inescrutáveis absorveu a UDP, esta com uma massa apoiante bastante mais significativa - fundado por um então jovem estudante, hoje professor e orador em "meetings" pagos na capital do Imperialismo, antever certos cenários pode resultar uma estratégia certeira, contudo, improvável.

A revolução é hoje!

6 comentários:

Ludo Rex disse...

Os gajos andam às compras... Estão em saldo... Corja.

Abraço Forte

duarte disse...

conseguiram enganar-me uma vez(PSR), mas desta não!
abraço do vale

Susete Evaristo disse...

Subscrevo o que diz o Ludo,´são todos familia (farinha do mesmo saco) como dizem os brasileiros.
Um Abraço

CRN disse...

Ludo,

A estes não lhe chamaria propriamente corja, chamar-lhes-ia imberbes, o que só por si pode chegar a ser um ponto de partida para uma evolução no sentido positivo.

Abraço.

CRN disse...

Duarte,

À vanguarda da luta deve chegar-se pela identificação de diversas contradições, e cá vamos, no caminho.

Abraço.

CRN disse...

Susete,

Todos mesmo, depois depende do transporte até àqueles que delam tentam fazer pão.

Abraço.