quinta-feira, agosto 28, 2008

Um futuro sem medo?

(Exemplos em videos de muita curta duração. Anúncio da morte de Allende pelo próprio)
Começando o povo a erguer a voz e reclamando o que lhe pertence sem medo a lutar por isso.

Levando a cabo uma revolução para quem a necessitava, sem a prepotência bacôca de pseudo-politicos como a corja que nos vem roubando, conseguiu unir mentalidades da mais dispares, olhando sempre para o povo como eixo central das modificações que implementou no governo dos trabalhadores para os trabalhadores e desapareceu legando a liberdade e os direitos inerêntes à condição humana. Contudo, deixou também a certeza de que o mundo pode e deve ser melhor, bastando para tal tomar como base as conclusões de quem materializou os ideais da revolução.

Depois, de uma forma mais ou menos coerênte, muitos tentaram seguir-lhe o exemplo, acreditar que isto realmente não tem que ser assim, que estamos aquí para viver em paz connosco e com os nossos semelhantes, mas, e mesmo sendo o primero marxista eleito por sufrágio, provavelmente demasiado tarde, alguns, como neste caso, deram-se conta que nem tudo o que parece humano o é, existem vampiros com aparência humana, lobos com pele de Carneiro ou minotauros que de homem só do tornozelo para Baixo.

Mas, a luta continuou, a opressão derivou na identificação dos revolucionários com a victoria já alcançada, permitindo que alguns corajosos - desses que não têm medo do imperialismo estrangulador - se unissem e derrubassem os tiranos, isto aconteceu em Cuba.

África.

E, dentro das possibilidades, outros que, com mais ou menos clarividência, eram inquietados por uma luz que consideravam excessiva, vendo que ao seu lado o povo continuava a viver na mais absoluta escuridão.

No nosso país, desde há mais de oitenta e cinco anos, o Partido Comunista lutou e luta, apoiado por trabalhadores de todas as areas - como há já setenta anos o provou a Armada Portuguesa, onde se sabe quem foi Bento Gonçalves e da qual eu mesmo fui aluno - para conseguir que Portugal fosse um país minimamente justo, exemplo do Socialismo, e, que conseguiu, depois de muitos sacrificios próprios, assassinados pelo fascismo, presos, torturados e desaparecidos, através da preconização da revolução que foi o 25 de Abril e ainda que alvo dos mais baixos ataques, durante o PREC e com Vasco Gonçalves, establecer as condições estructurais para alcançar esse objectivo mas..

Ouvindo as criticas do verme, dizendo que o partido Comunista o que queria era subir os ordenados, e, logo de seguida, que o PCP o que queria era o socialismo dos pobres, penso que fica clara a intenção manipuladora do filho do Carlucci.
Por outra parte, quem sim afirmava não querer que voltassem os latifundiários, tipo Champalimaud ou Mello - basta ver o artigo relativo à saúde, publicado à três dias, e poderemos ver quem estava certo - era Alvaro Cunhal, encontramos assim, com facilidade, quem enganou o povo do nosso país, quem era o agente perverso e que nos trouxe a este paupérrimo estado de vida, onde os direitos, as garantias sociais, a educação ou a saúde, nos foram, e continuam a ser, paulatinamente retirados.

Fomos comidos com azeite Italiano e pão de milho transgénico mas a solução não está longe:


Basta eleger, votando!

15 comentários:

mugabe disse...

Camarada e amigo CRN,...grande post, totalmente solidário com tudo o que dizes ! em relação ao voto, oxalá e desejo que sim, que fosse possível ir pelo voto,...era sem dúvida o desejável.....mas a minha convicção diz-me que não é por aí que vai ser possível....oxalá esteja enganado ! Abraço!

Ana Camarra disse...

Não consigo ver os videos sem chorar....
Tenho que me recompor, volto depois com mais calma, sim camarada?!

Abreijo

SENSEI disse...

Não há que ter medo de nomear públicamente o causador da actual precaridade de Portugal e o assassino dos ideais de Abril, há que o denunciar bem alto, a ele e ao seu partido, eles são:
MÁRIO SOARES e o PARTIDO SOCIALISTA, vassalos de Carlucci e dos EUA.

Ouss

Zorze disse...

Olá CRN,

Boa selecção de vídeos com igual acompanhamento textual. Mostra uma série de pessoas ou almas que lutaram por algo, contra uma subversão, contra um poder cada vez mais dominante, contra uma mentalidade que se foi abarcando.

À tua pergunta sobre o voto, com todo o respeito, não acredito que daí advenha a mudança. Nos dias de hoje, na realidade presente não existe massa crítica desperta para tal.
O verdadeiro poder está acima do voto e da visibilidade do senso comum. Escondem-se na sombra, nos rituais de sociedades secretas, dão os holofotes para outros se queimarem.

Abraço,
Zorze

Cidadão do Mundo disse...

Inteiramente de acordo com o que disse o Zorze.

CRN, reparei e ainda bem que vais ao Xatoo esplêndido blog,...autêntica imprensa alternativa. Abraço!

Ana Camarra disse...

CRN

Agora já consigo e vai por partes (para não variar muito!):

Villa e Zapata fazem parte da minha galeria de heróis míticos, o me pai, que já deves ter percebido foi uma influência fundamental, falava-me muito deles, vi o Viva Zapata várias vezes, semearam a vontade de liberdade na América Latina.

A certeza que o mundo pode e deve ser melhor….é isso que nos move, sempre….a certeza!

Allende foi um exemplo, de democracia, de coragem de dignidade, nunca reconhecido internacional ao nivél de outros, nunca vingado, pelo contrário os seus algozes e acima de tudo algozes do povo chileno morreram de velhice.


Cuba foi antes…mas continua apesar de tudo a resistir e a reinventar-se.
Che foi outro exemplo, de humanidade…

Quanto a África segundo o meu pai (outra vez) sempre foi o quintal da Europa.
No caso do Congo Belga era então flagrante, NÃO ERA UMA COLÓNIA, NÃO ERA UMA PROVÍNCIA, ERA UMA PROPRIEDADE PRIVADA DO REI DA BÉLGICA!


O nosso partido tem sido um farol….tem sido uma força motriz de mudança e justiça social, sucedeu-se ao Movimento Anarco Sindicalista e quando as coisas ficam mesmo negras o povo acaba por saber para onde se virar, quem nunca os traiu….

Por fim a MATRIX, bom exemplo do controle absoluto, do adormecimento absoluto, do vazio, de onde é preciso despertar consciências.

Enfim hoje deixo só uma estrofe (também me faz chorar)

Bem unidos façamos
Este Luta final
Uma Terra sem amos
A Internacional

Um beijo camarada

poesianopopular disse...

Camarada
Eu estou como a Ana, este povo foi drogada de tal maneira que, ainda não se recompôs, não conseguindo chega à conclusão, de quem foram os traidores, do seu sonhocontinuando a viver no meio desses sádicos hipócritas, que diáriamente e descaradamente se pavaneiam, à custa do nosso suor!Áh se a maioria fosse como nós!
É preciso que divulguemos aos mais jovens, quem foram e são os traidores!

Savonarola disse...

Parabéns pelo post, não só pela sua qualidade, mas também pelo seu conteúdo.
Muitos foram os que combateram pela liberdade e que foram "feitos" esquecidos pela informação dominante. Há que lembrá-los sempre, como símbolos daquela que é a luta que deles herdámos. A luta contra a opressão e o obscurantismo.

Um abraço anarquista

CRN disse...

Olá Mugabe,
Fundamental é que façâmos a nossa parte!

Cumprimentos.

CRN disse...

Olá Sensei,
Medo nenhum, a imagem vale mais que mil palavras, fundamental é que sejam os portugueses a depreênder sozinhos.

A revolução é hoje!

Cumprimentos.

CRN disse...

Olá Zorze,
Só acreditando!

A revolução é hoje!

Cumprimentos.

CRN disse...

Olá Ana,
Pessoas que sabiam que não eram únicas.
"O nosso partido tem sido um farol….tem sido uma força motriz de mudança e justiça social, sucedeu-se ao Movimento Anarco Sindicalista e quando as coisas ficam mesmo negras o povo acaba por saber para onde se virar, quem nunca os traiu…." Fina como uma pérola!

A revolução é hoje!

Cumprimentos.

CRN disse...

Olá cidadão do mundo,
Bom blogue!

Cumprimentos.

CRN disse...

Olá poesianopopular,

É questão de que alguém lhes passe a mensagem, na rua, no dia-a-dia!

A revolução é hoje!

Cumprimentos.

CRN disse...

Olá savonarola,
Obrigado.
É questão de não esquecermos que a liberdade está nas nossas mãos.

A revolução é hoje!

Cumprimentos.